“Coleta do Bem”: iniciativa da CNBB que unifica a Campanha da Fraternidade e da Evangelização neste ano

Foto: CNBB

“Coleta do Bem”: iniciativa da CNBB que unifica a Campanha da Fraternidade e da Evangelização neste ano

Foto: CNBB
Radio America | Rádio América

20/11/2020 1:06 pm | Atualizado em: 20/11/2020 1:08 pm

A Igreja realiza a Coleta do Bem neste fim de semana, 21 e 22 de novembro. Coleta do Bem é o nome oficial da iniciativa que unifica a Coleta da Solidariedade (gesto concreto da Campanha da Fraternidade) com a Coleta da Campanha para a Evangelização, e será feita este ano em caráter extraordinário, devido à pandemia, nas dioceses de todo o país,  durante a Solenidade de Cristo Rei.

Com o tema “É tempo de Cuidar da Evangelização” e lema “Conheceis a generosidade de Cristo” (2 Cor 8,9), a Coleta do Bem também está em sintonia com a Ação Solidária Emergencial da Igreja no Brasil, uma iniciativa da CNBB e Cáritas Brasileira (conheça aqui).

“Cada cristão é chamado a viver e refletir essa generosidade com amor, fé e co-responsabilidade”, afirma padre Patriky Samuel Batista, secretário executivo das Campanhas da CNBB, sobre o lema da Coleta do Bem. Ele ainda garantiu que a inspiração do lema veio das últimas catequeses feitas pelo Papa Francisco, que tratam da solidariedade na perspectiva cristã.

A Coleta do Bem, será realizada no fim de semana da solenidade de cristo Rei, dias 21 e 22 de novembro. Durante todo mês a proposta é refletir sobre três realidades: evangelização dos Pobres; Anúncio da Palavra e Vida em plenitude.

“O que inspira esse cuidado é a própria generosidade de Cristo que sendo rico, como diz São Paulo, esvaziou-se de si mesmo e se doou a nós nos ensinando a fazer de nossas vidas uma oferta generosa da presença de Deus que é bondoso, compassivo e carinhoso (Sl 102). Como Igreja cuidamos do Anúncio da Palavra, dos Pobres e da Vida, dom de Deus para ser cultivado e compromisso a ser assumido”, afirma padre Patriky.

Três formas de doação à Igreja

Os cristãos católicos poderão doar de três maneiras para a Coleta do Bem. Em suas comunidades e paróquias nas celebrações do fim de semana dos dias 21 e 22 de novembro.

Poderão também fazer a sua oferta e contribuir com a obra de evangelização e apoiar os projetos solidários da Igreja no Brasil por meio da doação no site https://doe.cnbb.org.br, especialmente criado para a campanha.

Caso achem mais simples, os fiéis também poderão fazer a sua oferta por meio de depósito bancário: Banco Bradesco – Agência nº 0484-7 – Conta Corrente nº 4188-2, favorecido Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNPJ 33.685.686/0001-50.

As doações são investidas no apoio a projetos de desenvolvimento comunitário, de geração de renda, superação da vulnerabilidade e também na sustentação da obra de Evangelização da Igreja no Brasil inteiro, incluindo seus projetos missionários em outros países. Conheça parte dos 238 projetos apoiados só em 2019 no terceiro vídeo da campanha.

Cartaz

O cartaz oficial da Coleta do Bem traz o tema e o lema da Campanha, enfatizando por meio de imagens o cuidado com os pobres, com o anúncio da Palavra e com o dom da vida.

“Nesta época de pandemia é tempo de cuidar da Evangelização. De uma evangelização que se faz, que acontece também por meio do cuidado para com a Palavra de Deus e no cuidado litúrgico com as celebrações, mas também no cuidado com os pobres no horizonte da caridade cristã. A Evangelização supõe também recursos financeiros. Por esta razão nossa contribuição chega a diversos irmãos e irmãs que, com a pandemia, estão sofrendo ainda mais.”, afirma padre Patriky.

Faça o download do cartaz:

Versão 1
Versão 2
Versão 3

Saiba mais sobre as Campanhas e conheça os projetos apoiados: https://campanhas.cnbb.org.br/.

Oração para a Campanha da Evangelização 2020

Bendito sois, Deus da vida,
auxílio dos pobres e vulneráveis,
amparo daqueles que esperam em vós.
Ajudai-nos a testemunhar a alegria da evangelização,
em meio aos desafios do tempo presente.
Batizados e enviados para anunciar a Palavra, cuidar da vida e
evangelizar os pobres, vivendo
em comunidades eclesias missionárias,
queremos renovar nossa responsabilidade com a missão da Igreja.
Renovai nossa esperança,
fortalecei nosso chamado,
enviai-nos em missão.
Por Jesus Cristo,
na força do Espírito Santo.
Amém.

Hino É tempo de cuidar

Dom Ricardo Hoepers – Letra e melodia
Arranjos e interpretação – Francis da Silva Prates, Ângelo Schenque e Emílio Piva

É tempo de cuidar,
Olhar bem ao redor,
Mover-se em compaixão.

É tempo de sonhar
Um mundo mais humano,
Fraterno, mais irmão.

É tempo de ser pão,
Doar-se e repartir
Com quem não tem mais nada.

Nos passos de Jesus,
Ser alento e conforto
Na escuridão, ser luz.

A vida é tão bela,
Presente de deus
Que na cruz morreu para nos salvar.

Sagrada e tão singela,
Escolhe, pois a vida,
É tempo de cuidar!

Sagrada e tão singela,
Escolhe, pois a vida!
A quem ama, sempre é tempo de cuidar.

Fonte: Arquidiocese de BH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code